No domingo, contra a Fiorentina, em San Siro, o Milan foi derrotado por 1-3, com o francês Frank Ribery a ser aplaudido de pé pelos adeptos da equipa rossonera, apesar de jogar na equipa adversária. Apenas mais um dado na queda do colosso de Milão no seu passado recente…

Desde que foi campeão europeu em 2007 e campeão da Serie A em 2011, o Milan jamais se reencontrou com a sua invejável história, principalmente nas últimas seis temporadas, quando, no campeonato italiano, o melhor que alcançou foi um quinto lugar, precisamente na época transata. No entanto, a 22 pontos da campeã Juventus…

pub

No domingo, a série negra na vida do Milan continuou e parece não haver alguma luz ao fundo do túnel. Por exemplo, a equipa alcançou um registo que muitos dos seus adeptos esperavam não viver novamente (e alguns jamais viveram…): os rossoneros somaram a sua quarta derrota (a terceira seguida) em seis jornadas na Serie A, algo que não acontecia desde 1938-1939 (e antes em 1930/31)…

Por isso, é normal que o nome de Marco Giampaolo esteja em causa, ainda mais devido a paragem das datas FIFA, o que poderá ser decisivo para o seu futuro. A imprensa italiana já cogita inclusive nomes de alguns técnicos, como Massimiliano Allegri, Luciano Spalletti, Claudio Ranieri e Gennaro Gattuso, por exemplo.

«Acredito nas minhas ideias, mas esta equipa de hoje parecia nunca ter feito uma sessão de treinos», afirmou Marco Giampaolo após a derrota contra a Fiorentina, numa clara demonstração de desespero do técnico, que parece não estar a retirar o devido rendimento do seu plantel, o mais jovem da Serie A.

O colosso Milan amarga resultados muito negativos nos últimos anos, 
nada parecido com o seu brilhante historial
O colosso Milan amarga resultados muito negativos nos últimos anos,
nada parecido com o seu brilhante historial

Juventude que tem deixado marcas no colosso Milan, já que os jovens parecem não estar a aguentar a pressão. Por exemplo, o emblema de Milão é a equipa com mais vermelhos (3) e a segunda com mais amarelos (18) da Serie A nas primeiras seis jornadas. Apenas um dado que demonstra a “panela de pressão” que se vive em Maranello.

Como curiosidade, estas são as equipas mais jovens dos principais campeonatos europeus:

  • PORTUGAL
    Famalicão – média de 23,1 anos
  • LIGUE 1
    Nice – média de 23,2 anos
  • SERIE A
    Milan – média de 23,9 anos
  • BUNDESLIGA
    Leipzig – média de 24,2 anos
  • LA LIGA
    Celta – média de 24,6 anos
  • PREMIER LEAGUE
    Bournemouth – média de 24,7 anos

O problema do Milan é que, nos últimos anos, gastou milhões de euros, mas sem obter os desejados resultados desportivos.

Atualmente, a equipa de Milão tem apenas 6 pontos, ocupando o 12.º lugar, com mais um ponto que a primeira equipa a descer de divisão na Serie A, concretamente o Génova.

Por último, de referir que, além de Ribéry, foi um português a brilhar na derrota diante da Fiorentina, Rafael Leão, que marcou o seu primeiro golo com a camisola do colosso Milan. Colosso?…

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here