Flamengo e Internacional marcam um dos principais jogos dos quartos-de-final da Libertadores, esta quarta-feira (quinta-feira de madrugada em Portugal). O clube de Jorge Jesus tem no entanto um desfalque de peso, o goleador Gabigol, atualmente o melhor marcador do Brasil. Uma boa notícia para a equipa do ex-avançado da equipa rubro-negra, o peruano Paolo Guerrero.

Até ao momento, o Internacional apresenta uma campanha impecável na Libertadores. Em oito jogos, seis vitórias e dois empates. Ou seja, nenhuma derrota.

pub

Já o Flamengo apresenta uma campanha irregular na Libertadores. Em oito jogos, quatro vitórias, um empate e três derrotas. Tanto na fase de grupos como nos oitavos-de-final da competição, o rubro-negro precisou dos últimos jogos para garantir a sua qualificação, com o encontro com o Emelec a ser decidido nas grandes penalidades.

Internacional apresenta uma campanha bastante positiva na Libertadores e portanto causará problemas ao Flamengo

Portanto, no Maracanã, já esgotado, teremos uma equipa segura e montada diante de outra que ainda está em construção, com Jesus a conseguir montar aos poucos os seus conceitos.  

Jesus que, em declarações ao site da Conmebol, organizadora do evento, admitiu que errou nas suas previsões, já que pensava que a prioridade da torcida do Flamengo era conquistar o Brasileirão e não a Libertadores, um “chip” que mudou desde que conheceu as duas competições.

“G” de Golos, Guerrero mas sem Gabigol

Para alcançar a meia-final da Libertadores (onde defrontará o Grémio ou o Palmeiras), tanto Flamengo como Internacional apostavam todas as suas fichas em dois nomes em particular: Gabigol, neste momento o goleador do Brasil com 24 golos em 34 jogos (média de 0,70 tentos por encontro), e Guerrero, com 19 golos em 11 partidas.

No entanto, e devido a problemas musculares, o ex-avançado do Benfica, que, na presente temporada, precisa de 112 minutos para marcar um golo, vai falhar o encontro, uma baixa bastante importante para os planos de Jorge Jesus.

Por exemplo, a sintonia entre Gabigol e a torcida do Flamengo é tão grande que a equipa da Gávea já pondera contratar o avançado, cujo passe pertence à Inter, de Milão. No Brasileirão, por exemplo, Gabigol tem 11 golos em 11 partidas.

Na Libertadores, Guerrero, do Internacional, apresenta uma melhor média que Gabigol, do Flamengo

Mas Paolo Guerrero, que fez a sua estreia pelo Internacional em abril último após uma suspensão de doping, também não fica atrás em relação aos tentos, já que apresenta uma média de 0,57 golo por partida (precisa de 146 minutos para marcar um golo).

Aliás, ao compararmos os dois jogadores na presente edição da Libertadores, tanto o brasileiro como o peruano apresentam o mesmo número de golos na prova: quatro. No entanto, Guerrero alcançou os seus tentos em quatro partidas, enquanto Gabigol precisou de sete.

PROGNÓSTICO VISÃO DE JOGO

Muito provavelmente o encontro entre Flamengo e Internacional no Maracanã terá golos. Em casa, os rubro-negros somam 11 tentos em quatro partidas (sofreram três) na presente edição da Libertadores. Já o Internacional marcou apenas cinco, sofrendo dois. Apoiado pela sua fanática torcida, o Fla poderá abrir perigosos espaços na sua defesa, que poderão ser aproveitados por Guerrero. No entanto, e mesmo sem Gabigol, a verdade é que o clube da Gávea vai fazer de tudo para alcançar uma boa vantagem para a segunda mão, na próxima semana, em Porto Alegre. Na Betclic, a odd “Total de Golos – Acima de 2.5” é de 2,19 euros. Ou seja, se apostarmos 10 euros, receberemos de lucro 11,9 euros.

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here