E, ao quinto jogo, Jorge Jesus sofreu a sua primeira derrota com o Flamengo, precisamente onde não podia, na primeira mão dos oitavos-de-final da Libertadores da América. Em Quito, contra o Equador, derrota por 0-2.

Após uma vitória e três empates, Jorge Jesus sofreu a sua primeira derrota com o Flamengo. E uma derrota que vai ser complicada de aceitar pela torcida do Mengão, já que foi contra o Emelec, que, no historial entre as duas equipas, apenas tinha um triunfo em oito jogos (6 derrotas e um empate).

Para piorar, Jesus colocou o lateral direito Rafinha como um médio/extremo direito na equipa titular e deixou Cuellar no banco de suplentes, precisamente o jogador mais acarinhado pelos adeptos do clube do Rio de Janeiro.

O Emelec marcou aos 10 e 79 minutos, por Godoy e Caicedo, respetivamente. A equipa da casa jogou com um a menos desde os 54 minutos, devido a expulsão de Vega. No entanto, e depois de Jesus esgotar as substituições com as entradas de Cuellar e Lucas da Silva, Diego saiu de jogo lesionado pouco depois da expulsão do adversário, com as duas equipas a terminarem assim o jogo com dez elementos.

O jogo da segunda mão está agendado para a próxima semana, no Maracanã, com mais de 50 mil ingressos já vendidos. Antes, o Flamengo defronta o Botafogo, no domingo, para o Brasileirão.

Definitivamente, a vida não está fácil para Jorge Jesus, que já começa a ser contestado nas redes sociais mas também na televisão, nos jornais, na rádio… A derrota desta noite foi creditada por inteiro ao técnico português, principalmente por ter adiantado Rafinha.

Para piorar, o Flamengo está, em teoria, sem Arrascaeta, Vitinho e Evérton, além de ter perdido hoje Diego, para esses dois jogos. Quatro dos principais nomes do plantel flamenguista.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here