O Sporting recebe esta quinta-feira o Rosenborg para a Liga Europa. Os leões, em 12 jogos oficiais, sofreram 6 derrotas, números realmente impressionantes para um clube grande. Para apaziguar a crise interna, a vitória é essencial para o clube, mas também para o recente empossado treinador Silas.

A paciência dos adeptos com a direção de Frederico Varandas afundou-se ainda mais após a surpreendente eliminação do Sporting da Taça de Portugal, com o Alverca a vencer, justamente, por 2-0 (no Ribatejo, os leões somam 4 derrotas, 1 empate e 3 vitórias).

Atual campeão da prova, os leões não vão assim estar mais uma vez no Jamor, como aconteceu nos dois últimos anos. Já agora, refira-se que o campeão da Taça de Portugal foi eliminado logo na primeira eliminatória apenas por cinco vezes:

  1. 1939/40 – Académica
  2. 1948/49 – Sporting
  3. 1953/54 – Benfica
  4. 2006/07 – FC Porto
  5. 2019/20 – Sporting

Para piorar, a equipa leonina apresenta um número realmente preocupante na presente temporada, igualando o registo de 1966/67: 12 jogos, 6 derrotas. Pior, apenas em 1908/09 (9 jogos, 6 derrotas) e 2005/06 (11 jogos, 6 derrotas). Nos 12 encontros da época, apenas não sofreu golo em um, no triunfo diante do Desportivo das Aves por 1-0.

A época do Sporting está longe de ser perfeita
A época do Sporting está longe de ser perfeita

Na realidade, o Sporting já perdeu em todas as competições da temporada. Foi goleado pelo Benfica na Supertaça e foi eliminado da Taça de Portugal. Para piorar, no campeonato, soma apenas 11 pontos, menos 8 do que o líder, o Famalicão. Na Taça da Liga (campeão em título), um jogo, uma derrota (1-2 em Alvalade diante do Rio Ave).

Ou seja, para o emblema de Alvalade, a Liga Europa poderá ser a única tábua de salvação da época. Mas, para isso, é necessário vencer. Com três pontos em dois jogos (derrota por 2-3 diante do PSV Eindhoven e vitória por 2-1 frente ao LASK Linz), a equipa de Silas precisa de ganhar, ainda mais quando, na segunda volta da Liga Europa, realizará dois jogos fora de Alvalade.

Neste momento, o PSV lidera o Grupo D com 6 pontos, três a mais que Sporting e LASK Linz. Já o Rosenborg ainda não venceu.

Como curiosidade, refira-se que o Sporting de Silas ainda não marcou um único golo na primeira parte. Para piorar, e aqui o técnico Silas não é o único culpado, os leões começaram a perder em 8 dos 12 jogos, o mais recente com o Alverca, mas o mesmo aconteceu com o LASK Linz (acabou por ganhar por 2-1).

Números realmente mais do que preocupantes para uma equipa que pretende afastar de vez uma crise que teima em pairar em Alvalade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here